Mudar o Significado 18

Pensar os próprios pensamentos é um dos fatores que faz a mente humana algo incrível. Mesmo sendo um processo interminável (já que podemos pensar o pensamento pensado do pensamento que estávamos pensando) é um ato criativo, um ato que cria o nosso mundo. Podemos utilizar esta forma – pensar um pensamento e repensar o pensamento – para criarmos um significado mais coerente, mais saudável e melhor para nossas vidas.

Se eu digo ou penso uma determinada frase, posso em seguida pensar o que acabei de pensar. Desde modo, vamos indo para níveis mais altos de abstração.

Imagine, talvez que você esteja triste ou com raiva por algo que aconteceu. Você pode pensar e descobrir o que é que faz com que você fique triste ou com raiva. O que era esperado que não aconteceu?

E, continuando, você pode pensar o seguinte: será que este jeito que estou pensando é o melhor jeito para se pensar? Ficar triste ou com raiva vai resolver?

A psicologia clinica, em grande parte, trabalha desta forma. O paciente tem um determinado problema – vamos dizer assim e o psicólogo questiona, ajudando o paciente pensar neste problema, ajudando o paciente a pensar de outra forma, por outro ângulo, mudando o seu ponto de vista, seus pressupostos, crenças…